3 dicas para aumentar o tráfego do seu site

Você quer trabalhar duro, ou quer trabalhar espertamente? Claro que você quer trabalhar espertamente. E sabe de algo? Com seu SEO on-page, existem apenas algumas táticas que vão trazer a maior parte dos seus resultados. Isso mesmo. Sim, você pode fazer várias coisas, e sim, tudo vai ajudar com seus rankings no Google, mas algumas delas vão realmente alavancar seus rankings.

Hoje vou compartilhar com vocês três hacks de SEO on-page que vão alavancar seus rankings. Para vocês que não sabem o que é SEO on-page, são as mudanças que você faz no seu site, no seu código para conseguir rankings mais altos no Google.

O Google é um computador. Quando ele está rastreando o seu site, ele precisa ler código, zeros e uns. Você já viu Matrix, é parecido com aquilo. Eles estão rastreando para descobrir do que se trata o seu site, e sim, você pode fazer várias mudanças, e todas elas vão ajudar seus rankings.

Mas hoje eu vou compartilhar com você três que vão ajudar a impulsionar seu SEO on-page e os seus rankings. Então a primeira é o Google Search Console. Você já me ouviu falar sobre isso anteriormente, é uma ferramenta grátis que o Google te dá.

O motivo pelo qual eu continuo falando sobre essa ferramenta grátis é porque poucos de vocês estão usando. Por que você não usaria uma ferramenta que o Google te dá, e que te fala como você pode aumentar seus rankings?

Então se cadastre no Google Search Console, após adicionar seu site, eles te dão instruções passo a passo. Você vai, após ele coletar os dados, isso pode levar alguns dias, você clica em Search Analytics. Após clicar em Search Analytics, você vai ver quais páginas estão aparecendo nos rankings, a quantidade de cliques, de impressões, e a taxa de cliques.

Impressão é a quantidade de pessoas que estão fazendo uma busca no Google onde suas postagens estão naquela página. Por exemplo, digamos que você pesquisa a palavra “cachorro”, e você clica na primeira postagem, a postagem número dois ainda recebe aquela impressão, porque você viu, mas não clicou nela. Isso que é uma impressão.

Não significa que você clicou, ou que não clicou, só significa que você viu uma postagem. Todas as postagens na página dois, não receberiam aquela contagem de impressão, porque você só clicou na postagem da primeira página.

Então você deve buscar as que tem um número de impressão alto e uma taxa de cliques baixa. Isso significa que as pessoas veem a sua postagem, mas não clicam nela. Então ao ajustar sua title tag…

Quando você faz uma busca no Google, você vê um título, que geralmente é azul ou rosado, na verdade não é rosado, seria um texto azul ou meio roxo. Roxo é quando você já clicou. E depois a descrição embaixo. E o que acaba acontecendo é, se você for deixar isso mais chamativo, o que vai acontecer? Mais pessoas vão clicar.

Então pegue seu título, e insira adjetivos e palavras que fazem as pessoas quererem agir imediatamente. Palavras como facilmente.

Maneiras de dobrar seu tráfego de mecanismo de busca facilmente

Vê como isso é mais instigante do que 10 maneiras de dobrar seu tráfego de mecanismo de busca? Você fica: “Wow, eu quero a maneira fácil, porque isso significa que vai ser muito mais fácil para eu dobrar meu tráfego de busca. E o mesmo vale para sua meta descrição.

Ao colocar uma frase chamativa, isso inclui as palavras-chave, você terá muito mais chance de receber cliques. Não é só encher de palavras-chave em tudo. Você tem que se certificar de que é legível para humanos. Se tiver usando WordPress, você pode ajustar seu título e sua descrição usando o plugin Yoast SEO.

Após fazer isso, você deve deixar, e após 30 dias, você deve ver se sua taxa de cliques aumentou ou diminuiu. Se sua taxa de cliques aumentou, o que vai acontecer é, o Google vai ficar tipo: “Wow, esses caras estão recebendo muitas impressões e muitos cliques agora, isso significa que as pessoas amam isso”.

E se você conseguir mais cliques do que a pessoa acima de você, o que isso significa? O Google vai ficar tipo: “Wow, essa postagem é mais relevante do que a de cima, vamos trocar elas de lugar”.

É assim que você continua aumentando os seus rankings lentamente. É esforço, não é uma mudança tão difícil, mas é um esforço que precisa de muito tempo antes dos rankings aumentarem a partir dele, mas é uma das melhores maneiras de aumentar seu tráfego.

E o legal do Google Search Console é que ele te mostra todas as palavras-chave que estão recebendo impressões. Você pode adicionar as que têm um número alto de impressões e ignorar as que têm um número baixo.

A segunda dica que eu tenho para você é se certificar de que o seu site é super rápido. Não estou falando simplesmente sobre se certificar de que o seu código é realmente limpo, e que assim você sabe que seu site carrega rápido.

Também estou falando sobre seu servidor, e use uma rede de distribuição de conteúdo. Por exemplo, se seu servidor for devagar, não importa quão limpo o código do seu site seja, ele não vai carregar rápido.

Não use aquela hospedagem barata de cinco dólares, pague por algo que é decente. Eu uso WP Engine, é caro, mas meu site carrega rápido por causa deles. A outra coisa que você deve fazer, como eu falei é utilizar uma Rede de Distribuição de Conteúdo. Dessa forma se uma pessoa na Índia acessar seu site, seu site vai ser puxado de um servidor que está na Índia. Ele vai carregar muito mais rápido para as pessoas ao invés de elas terem que esperar que o sinal da internet busque de um servidor na América do Norte.

Você deve se certificar de que o seu servidor está próximo delas, e não, você não precisa comprar servidores ao redor do mundo todo, ao invés disso use uma rede de distribuição de conteúdo como a Akamai, e isso vai garantir um carregamento super rápido para seu site.

E a última dica quando se trata de acelerar seu site, se certifique de usar também o framework AMP do Google. Então se uma pessoa estiver em um dispositivo móvel, isso vai garantir que o seu site carregue super rápido para ela.

Eu não me importo se uma pessoa tem um celular 4G ou LTE.  Sabe de algo? Algumas vezes você está em uma área com uma cobertura horrível, então ter um site compatível com AMP garante que ele carregue super-rápido.

Eu ouvi muitas pessoas dizendo que se você tiver um site compatível com AMP, o tráfego alavanca. Eu descobri que geralmente não acontece isso em regiões como América do Norte, Canadá, Austrália, Reino Unido, mas descobri que meu tráfego em lugares como o Brasil aumentou muito após eu ter implementado o protocolo AMP.

Então, ao ter seu site compatível com o framework AMP do Google, você vai notar que recebe mais tráfego dos países de terceiro mundo, ou regiões que não têm uma tecnologia tão boa quanto a da América do Norte.

A última diga que eu tenho para você é, dê um tema para seu site. E aqui está o que eu quero dizer com isso. Digamos que o seu site fala sobre SEO, continue somente com SEO. Não vá de SEO para anúncios na TV ou no rádio. Ao ter um site específico sobre um tema, você vai se sair muito melhor.

Após a atualização do Google Hummingbird, eles ficaram tipo: “Wow, sites que são super detalhados e completos sobre um tópico normalmente têm muito mais chances de terem mais conhecimento sobre esse assunto e nós devemos ranquear eles muito mais alto”.

E sabe de algo, isso que acontece. Então aqui está o que quero dizer com “dê um tema para seu site”. Digamos que você está escrevendo um grande guia de SEO, parecido com o Guia de SEO para Iniciantes da Moz. Você pode ter uma página que fala sobre, o que é SEO?

Depois você pode falar sobre SEO on-page, ou depois link building, ou depois você poderia falar até mesmo sobre construção de marca, e como isso impacta SEO. Você como estou falando sobre seções diferentes de SEO? Você não precisa ter uma página grande.

Assim como o guia deles, você pode separar em capítulos diferentes, subseções, ou em páginas. Isso permite que você ranqueie várias páginas com um termo, assim como empresas como a Moz está fazendo. Então se certifique de que você está realmente indo atrás de um tema. Muitas pessoas querem ser muito amplas. O que importa não é ser amplo. O que importa é ser específico sobre um assunto, dominar ele, e continuamente criar mais tópico sobre ele.

Isso não significa que você deve simplesmente continuar a criar conteúdo de SEO on-page. Eu não criaria 50 artigos sobre SEO on-page. Por quê? Porque isso vai confundir o Google. Eles vão ficar tipo: “Qual artigo de SEO on-page devemos ranquear com a palavra-chave SEO on-page?”.

Ao invés disso, eu deixaria esse artigo mais detalhado, colocaria mais subseções que explicam componentes diferentes de SEO on-page. O que importa é tematizar. Se seguir essas dicas você vai se dar muito bem.

Veja mais aqui: https://twitter.com/henrique_pazin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *